Blog

5 razões para ter um site com design responsivo

5 razões para ter um site com design responsivo

Cada vez mais smartphones e tablets vêm sendo comprados e isso exige que os sites se tornem mais amigáveis para esses dispositivos móveis. Isso requer novas abordagens de visualização e navegação, uma arrumação mais limpa e efetiva, e que estas sejam boas soluções também para os desktops (computadores de mesa). Que tudo funcione bem nas pequenas telas e nos grandes monitores.

Veja aqui 5 razões para investir em um site com design responsivo!
Grande flexibilidade
Os sites com design responsivo são fluídos: seu conteúdo se move livremente em todas as resoluções de tela e em todos os dispositivos. Os grids e as imagens são também recombináveis, acompanhando os novos espaços da tela e se alocando para manter a aparência desejada e ordenada do site. Assim, o projeto responsivo obtém mais ou menos o mesmo resultado visual do conteúdo do site em telas grandes e menores.

Melhor experiência dos usuários
O conteúdo mais flexível e recombinável permite que o usuário tenha uma experiência agradável de intelecção e navegação em qualquer tamanho e resolução de tela. Ele pode utilizar o aparelho de sua preferência, na hora em que preferir. Assim, o web design responsivo abastece uma experiência de usuário ideal, independentemente de utilizar um computador desktop, um smartphone, um tablet ou uma TV inteligente. O recurso acomoda o profissional ocupado ao longo do dia e tem o estudante universitário bem servido de acesso ao seu site a qualquer momento. Se não houvesse uma solução adequada de rolagem ou redimensionamento, o visitante teria que acessar seu site apenas a partir de seu dispositivo favorito, depois de indicar as diretrizes de visualização do local.

Baixo custo efetivo
Ter um site único que está em conformidade com a necessidade de todos os dispositivos é bem mais barato do que ter dois ou mais soluções web distintas. Além disso, vale dizer que os sites destinados exclusivamente para o uso em dispositivos móveis não oferecem as técnicas de navegação avançadas encontradas em websites tradicionais, e também exigem que o usuário mantenha dois endereços da web separados para seu site. Isso é inconveniente para a maioria das pessoas, o que pode levá-los a conferir o site do concorrente.

O Google recomenda
O Google tem mais do que 2/3 do mercado de busca mundial. Considerando-se apenas o ambiente móvel, sua participação chega a 80%. Então, o que a empresa indica torna-se importante para o marketing on-line das empresas ouvir. Além disso, o Google afirma que esta seria a sua configuração móvel aconselhada, sugerindo ainda que o design responsivo é a melhor prática para a indústria. Já para o presente ano de 2015, o Google vai aumentar sua compatibilidade com os dispositivos móveis como critério de classificação nos resultados de busca feitas nos smartphones e tablets (saiba mais aqui).

Saiba que, inclusive, as recentes normativas da empresa, de fevereiro de 2015, sugerem que a atualização de SEO do Google vai penalizar as versões de sites para desktop que não sejam mobile-friendly, piorando sua classificação nos algoritmos e nos resultados de seu mecanismo de busca na Internet.

Facilidade de gerir
Dois websites, um para a solução móvel e outro para um ambiente fixo, como o desktop, exige que a empresa tenha campanhas de SEO diferentes, além de ações publicitárias distintas. É claro que gerir apenas um site e desenvolver uma estratégia de SEO é muito mais fácil do que tomar conta de dois locais e dois planos de ações diferentes. Por isso um site responsivo é muito conveniente: ele admite ter uma só estratégia de SEO, com a otimização de palavras-chave que são mais propensas a serem buscadas quando alguém está no seu smartphone. Mas também em seu desktop!

Se o SEO é um componente central de sua estratégia de marketing digital, ter um site mobile-friendly está se tornando igualmente essencial. As vendas feitas em aparelhos móveis já superaram aquelas feitas em desktop, e uso da Internet móvel está previsto para ultrapassar o da Internet em desktop já por agora, em 2015. É lógico que a busca móvel vai exceder a busca no desktop, em algum momento no futuro próximo também. A decisão é sua.

Leia mais em: https://www.impacta.com.br/blog/2015/05/14/5-razoes-para-ter-um-site-com-design-responsivo/